GUIA DE MANUTENÇÃO

O que é uma parada de manutenção?

Uma parada de manutenção é um evento planejado no qual uma fábrica, planta ou equipamento é desligado para a realização de atividades de manutenção.

GUIA DE MANUTENÇÃO

O que é uma parada de manutenção?

Uma parada de manutenção é um evento planejado no qual uma fábrica, planta ou equipamento é desligado para a realização de atividades de manutenção.

O que é uma parada de manutenção?

Uma parada de manutenção é um evento planejado no qual uma fábrica, planta ou equipamento é desligado para a realização de atividades de manutenção. Essas atividades podem incluir:

  • Inspeção e limpeza de equipamentos;
  • Substituição de peças desgastadas ou danificadas;
  • Reparo de danos;
  • Instalação de novos equipamentos ou sistemas;
  • Modificações ou melhorias nos equipamentos existentes.

As paradas de manutenção são importantes para garantir a confiabilidade, segurança e eficiência dos equipamentos e sistemas. Elas ajudam a prevenir falhas inesperadas, que podem causar acidentes, perda de produção e danos financeiros. E podem ser classificadas de acordo com a sua frequência:

  • Paradas periódicas: são realizadas em intervalos regulares, geralmente com base na vida útil dos equipamentos.
  • Paradas preditivas: são realizadas com base na análise de dados de desempenho dos equipamentos.
  • Paradas corretivas: são realizadas para reparar danos ou falhas que já ocorreram.

As paradas de manutenção podem ser complexas e envolvem uma grande equipe de profissionais, incluindo engenheiros, técnicos, operadores e trabalhadores da linha de produção. O planejamento e a execução de paradas de manutenção são essenciais para garantir a sua segurança e eficiência.

gestao-da-manutencao-email-header-masterclass-engeteles

Benefícios das paradas de manutenção

Aqui estão alguns benefícios das paradas periódicas de manutenção:

  • Aumento da confiabilidade dos equipamentos: as paradas periódicas de manutenção ajudam a identificar e corrigir problemas antes que eles causem falhas;

  • Melhoria da segurança: as paradas periódicas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e mantidos em boas condições, o que reduz o risco de acidentes;

  • Aumento da eficiência: as paradas periódicas de manutenção podem ser usadas para instalar novos equipamentos ou sistemas que melhoram a eficiência da produção;

  • Redução dos custos: as paradas periódicas de manutenção podem ajudar a evitar falhas inesperadas, que podem causar perda de produção e danos financeiros.

Aumento da confiabilidade dos equipamentos

As paradas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e mantidos em boas condições, o que ajuda a prevenir falhas inesperadas. As falhas inesperadas podem causar perda de produção, danos financeiros e até mesmo acidentes.

Ao realizar atividades de manutenção preventiva, como a substituição de peças desgastadas ou danificadas, as paradas de manutenção ajudam a manter os equipamentos em boas condições de funcionamento. Isso reduz a probabilidade de falhas e garante que os equipamentos estejam sempre disponíveis para a produção.

Melhoria da segurança

Os equipamentos em boas condições de funcionamento são mais seguros. As paradas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e reparados, o que ajuda a reduzir o risco de acidentes.

Ao realizar atividades de manutenção corretiva, como o reparo de danos, as paradas de manutenção ajudam a corrigir problemas que podem causar acidentes. Isso reduz o risco de acidentes e garante a segurança dos trabalhadores e do público em geral.

Aumento da eficiência

As paradas de manutenção podem ser usadas para instalar novos equipamentos ou sistemas que melhoram a eficiência da produção. Os novos equipamentos podem ser mais eficientes em termos de consumo de energia, produção ou tempo de ciclo.

Ao instalar novos equipamentos ou sistemas, as paradas de manutenção ajudam a aumentar a eficiência da produção. Isso pode levar a uma redução nos custos de produção e a um aumento da lucratividade.

Redução dos custos

As paradas de manutenção podem ajudar a evitar falhas inesperadas, que podem causar perda de produção e danos financeiros. Ao realizar atividades de manutenção preventiva, as paradas de manutenção ajudam a reduzir os custos de produção e a aumentar a lucratividade.

As paradas de manutenção também podem ajudar a reduzir os custos de manutenção corretiva. Ao corrigir problemas antes que eles causem falhas, as paradas de manutenção ajudam a evitar gastos desnecessários com manutenção corretiva.

Além dos benefícios mencionados acima, as paradas de manutenção também podem ajudar a:

  • Melhorar a qualidade dos produtos ou serviços;
  • Aumentar a satisfação dos clientes;
  • Reduzir o impacto ambiental.

O planejamento e a execução adequadas das paradas de manutenção são essenciais para garantir que os benefícios sejam alcançados.

Como planejar uma parada de manutenção?

O planejamento de uma parada de manutenção é um processo complexo que envolve uma série de etapas. As principais etapas do planejamento de uma parada de manutenção são:

Definição dos objetivos da parada

Os objetivos da parada devem ser claramente definidos, de forma a garantir que as atividades sejam realizadas de forma eficaz e eficiente. Os objetivos podem incluir:

  • Realizar atividades de manutenção preventiva e corretiva;

  • Instalar novos equipamentos ou sistemas;

  • Modificar ou melhorar equipamentos existentes;

  • Reduzir custos;

  • Melhorar a segurança;

  • Aumentar a eficiência.

Elaboração do cronograma

O cronograma da parada deve ser elaborado com base na disponibilidade dos recursos, incluindo mão de obra, equipamentos e materiais. O cronograma deve especificar os seguintes itens:

  • Datas de início e término da parada;
  • Sequência das atividades;
  • Duração de cada atividade;
  • Recursos necessários para cada atividade.

Alocação dos recursos

Os recursos necessários para a realização da parada devem ser alocados de forma adequada, de forma a garantir que as atividades sejam realizadas dentro do cronograma e do orçamento. Os recursos podem incluir:

  • Mão de obra: técnicos, engenheiros, operadores;
  • Equipamentos: ferramentas, máquinas;
  • Materiais: peças, componentes.

Comunicação com os envolvidos

A comunicação com os envolvidos na parada é essencial para garantir que todos estejam cientes dos objetivos, do cronograma e dos recursos necessários. Os envolvidos podem incluir:

  • Funcionários da empresa;
  • Fornecedores de peças e serviços;
  • Clientes.

Preparação da área de trabalho

A área de trabalho deve ser preparada para a realização da parada. Isso inclui:

  • Isolamento da área de trabalho para evitar acidentes;
  • Desligamento dos equipamentos;
  • Bloqueio dos equipamentos para evitar acidentes elétricos;
  • Instalação de sinalização de segurança.

Realização das atividades de manutenção

As atividades de manutenção devem ser realizadas de forma segura e eficiente. As seguintes medidas devem ser tomadas para garantir a segurança:

  • As atividades devem ser realizadas de acordo com os procedimentos operacionais padrão;
  • Os equipamentos devem ser testados após a manutenção.

Retorno à operação normal

Após a conclusão das atividades de manutenção, a área de trabalho deve ser liberada para operação normal. Isso inclui:

  • Retirada da sinalização de segurança;
  • Religação dos equipamentos;
  • Remobilização da área de trabalho.

Além dessas etapas, é importante realizar uma avaliação da parada após a sua conclusão. A avaliação pode ajudar a identificar oportunidades de melhoria para as próximas paradas.

Aqui estão algumas dicas para planejar uma parada de manutenção de sucesso:

  1. Inicie o planejamento com antecedência, para garantir que haja tempo suficiente para preparar a parada e realizar as atividades necessárias;

  2. Envolva todas as partes interessadas no planejamento da parada, para garantir que os objetivos e o cronograma sejam acordados por todos;

  3. Crie um plano de contingência para lidar com imprevistos;

  4. Monitore o progresso da parada e faça ajustes conforme necessário.

Como executar uma parada de manutenção?

A execução de uma parada de manutenção deve seguir o planejamento realizado anteriormente. As principais etapas da execução de uma parada de manutenção são:

Preparação da área de trabalho

A área de trabalho deve estar preparada para a realização da parada, conforme especificado no planejamento. Isso inclui:

  • Isolamento da área de trabalho para evitar acidentes;
  • Desligamento dos equipamentos;
  • Bloqueio dos equipamentos para evitar acidentes elétricos;
  • Instalação de sinalização de segurança.

Realização das atividades de manutenção

As atividades de manutenção devem ser realizadas de forma segura e eficiente, conforme especificado no planejamento. As seguintes medidas devem ser tomadas para garantir a segurança:

  • Os trabalhadores devem usar os equipamentos de proteção individual adequados;
  • As atividades devem ser realizadas de acordo com os procedimentos operacionais padrão;
  • Os equipamentos devem ser testados após a manutenção.

Monitoramento do progresso da parada

O progresso da parada deve ser monitorado para garantir que os objetivos e o cronograma sejam cumpridos. Se houver atrasos ou imprevistos, é importante tomar medidas corretivas para minimizar o impacto.

Retorno à operação normal

Após a conclusão das atividades de manutenção, a área de trabalho deve ser liberada para operação normal. Isso inclui:

  • Retirada da sinalização de segurança;
  • Religação dos equipamentos;
  • Remobilização da área de trabalho.

Aqui estão algumas dicas para executar uma parada de manutenção e atividades específicas que podem ser realizadas durante uma parada de manutenção:

  1. Siga o planejamento cuidadosamente, para garantir que todas as atividades sejam realizadas conforme o previsto;

  2. Monitore o progresso da parada regularmente, para identificar e resolver quaisquer problemas potenciais;

  3. Mantenha a comunicação com todos os envolvidos na parada, para garantir que todos estejam cientes do progresso e de quaisquer mudanças no plano;

  4. Inspeção e limpeza de equipamentos: esta atividade é importante para identificar problemas potenciais antes que eles causem falhas;

  5. Substituição de peças desgastadas ou danificadas: esta atividade é importante para manter os equipamentos em boas condições de funcionamento;

  6. Reparo de danos: esta atividade é importante para corrigir problemas que podem causar acidentes;

  7. Instalação de novos equipamentos ou sistemas: esta atividade pode ser usada para melhorar a eficiência ou a produtividade da planta;

  8. Modificações ou melhorias nos equipamentos existentes: esta atividade pode ser usada para melhorar a confiabilidade ou a segurança dos equipamentos.

A escolha das atividades a serem realizadas durante uma parada de manutenção dependerá dos objetivos da parada e da condição dos equipamentos.

O papel do software de manutenção nas paradas de manutenção

Um software de manutenção pode contribuir significativamente no planejamento e na execução de paradas de manutenção, proporcionando uma série de benefícios, incluindo:

Aumento da eficiência 

Pode ajudar a automatizar tarefas, como a criação de ordens de serviço, a geração de relatórios e o monitoramento do progresso da parada. Isso pode liberar tempo para os profissionais de manutenção se concentrarem em atividades mais estratégicas.

Redução de erros 

Um software pode ajudar a evitar erros, como o registro incorreto de informações ou a programação de atividades incompatíveis. Isso pode ajudar a garantir que a parada seja realizada de forma segura e eficiente.

Melhoria da comunicação

O software ajuda a melhorar a comunicação entre os profissionais de manutenção, fornecedores e outras partes interessadas. Isso pode ajudar a garantir que todos estejam cientes dos objetivos, do cronograma e dos recursos necessários para a parada.

No planejamento da parada de manutenção

  • Gerenciamento de ativos: ajuda a gerenciar o histórico de todos os ativos da empresa, incluindo informações sobre a sua condição, os seus requisitos de manutenção e as atividades de manutenção já realizadas. Isso pode ajudar a identificar os ativos que precisam de manutenção durante a parada.
  • Planejamento de manutenção: planeja as atividades de manutenção a serem realizadas durante a parada, incluindo a definição dos objetivos, do cronograma, dos recursos necessários e da sequência das atividades.
  • Criação de ordens de serviço: cria ordens de serviço para as atividades de manutenção a serem realizadas durante a parada. As OS devem incluir informações sobre os ativos a serem mantidos, as atividades a serem realizadas, os recursos necessários e as datas de início e término.

Na execução da parada de manutenção

  • Gerenciamento de atividades: gerencia as atividades de manutenção durante a parada, incluindo o monitoramento do progresso, o registro de informações e a identificação de problemas.
  • Relatórios: gera relatórios sobre o progresso da parada, o que pode ajudar a identificar quaisquer problemas potenciais ou oportunidades de melhoria.

Ao escolher um software de manutenção para o planejamento e a execução de paradas de manutenção, é importante considerar as necessidades específicas da empresa. Alguns fatores a serem considerados incluem o tamanho da empresa, o número de ativos a serem mantidos e a complexidade das atividades de manutenção.

O que é uma parada de manutenção?

Uma parada de manutenção é um evento planejado no qual uma fábrica, planta ou equipamento é desligado para a realização de atividades de manutenção. Essas atividades podem incluir:

  • Inspeção e limpeza de equipamentos;
  • Substituição de peças desgastadas ou danificadas;
  • Reparo de danos;
  • Instalação de novos equipamentos ou sistemas;
  • Modificações ou melhorias nos equipamentos existentes.

As paradas de manutenção são importantes para garantir a confiabilidade, segurança e eficiência dos equipamentos e sistemas. Elas ajudam a prevenir falhas inesperadas, que podem causar acidentes, perda de produção e danos financeiros. E podem ser classificadas de acordo com a sua frequência:

  • Paradas periódicas: são realizadas em intervalos regulares, geralmente com base na vida útil dos equipamentos.
  • Paradas preditivas: são realizadas com base na análise de dados de desempenho dos equipamentos.
  • Paradas corretivas: são realizadas para reparar danos ou falhas que já ocorreram.

As paradas de manutenção podem ser complexas e envolvem uma grande equipe de profissionais, incluindo engenheiros, técnicos, operadores e trabalhadores da linha de produção. O planejamento e a execução de paradas de manutenção são essenciais para garantir a sua segurança e eficiência.

gestao-da-manutencao-email-header-masterclass-engeteles

Benefícios das paradas de manutenção

Aqui estão alguns benefícios das paradas periódicas de manutenção:

  • Aumento da confiabilidade dos equipamentos: as paradas periódicas de manutenção ajudam a identificar e corrigir problemas antes que eles causem falhas;

  • Melhoria da segurança: as paradas periódicas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e mantidos em boas condições, o que reduz o risco de acidentes;

  • Aumento da eficiência: as paradas periódicas de manutenção podem ser usadas para instalar novos equipamentos ou sistemas que melhoram a eficiência da produção;

  • Redução dos custos: as paradas periódicas de manutenção podem ajudar a evitar falhas inesperadas, que podem causar perda de produção e danos financeiros.

Aumento da confiabilidade dos equipamentos

As paradas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e mantidos em boas condições, o que ajuda a prevenir falhas inesperadas. As falhas inesperadas podem causar perda de produção, danos financeiros e até mesmo acidentes.

Ao realizar atividades de manutenção preventiva, como a substituição de peças desgastadas ou danificadas, as paradas de manutenção ajudam a manter os equipamentos em boas condições de funcionamento. Isso reduz a probabilidade de falhas e garante que os equipamentos estejam sempre disponíveis para a produção.

Melhoria da segurança

Os equipamentos em boas condições de funcionamento são mais seguros. As paradas de manutenção permitem que os equipamentos sejam inspecionados e reparados, o que ajuda a reduzir o risco de acidentes.

Ao realizar atividades de manutenção corretiva, como o reparo de danos, as paradas de manutenção ajudam a corrigir problemas que podem causar acidentes. Isso reduz o risco de acidentes e garante a segurança dos trabalhadores e do público em geral.

Aumento da eficiência

As paradas de manutenção podem ser usadas para instalar novos equipamentos ou sistemas que melhoram a eficiência da produção. Os novos equipamentos podem ser mais eficientes em termos de consumo de energia, produção ou tempo de ciclo.

Ao instalar novos equipamentos ou sistemas, as paradas de manutenção ajudam a aumentar a eficiência da produção. Isso pode levar a uma redução nos custos de produção e a um aumento da lucratividade.

Redução dos custos

As paradas de manutenção podem ajudar a evitar falhas inesperadas, que podem causar perda de produção e danos financeiros. Ao realizar atividades de manutenção preventiva, as paradas de manutenção ajudam a reduzir os custos de produção e a aumentar a lucratividade.

As paradas de manutenção também podem ajudar a reduzir os custos de manutenção corretiva. Ao corrigir problemas antes que eles causem falhas, as paradas de manutenção ajudam a evitar gastos desnecessários com manutenção corretiva.

Além dos benefícios mencionados acima, as paradas de manutenção também podem ajudar a:

  • Melhorar a qualidade dos produtos ou serviços;
  • Aumentar a satisfação dos clientes;
  • Reduzir o impacto ambiental.

O planejamento e a execução adequadas das paradas de manutenção são essenciais para garantir que os benefícios sejam alcançados.

Como planejar uma parada de manutenção?

O planejamento de uma parada de manutenção é um processo complexo que envolve uma série de etapas. As principais etapas do planejamento de uma parada de manutenção são:

Definição dos objetivos da parada

Os objetivos da parada devem ser claramente definidos, de forma a garantir que as atividades sejam realizadas de forma eficaz e eficiente. Os objetivos podem incluir:

  • Realizar atividades de manutenção preventiva e corretiva;

  • Instalar novos equipamentos ou sistemas;

  • Modificar ou melhorar equipamentos existentes;

  • Reduzir custos;

  • Melhorar a segurança;

  • Aumentar a eficiência.

Elaboração do cronograma

O cronograma da parada deve ser elaborado com base na disponibilidade dos recursos, incluindo mão de obra, equipamentos e materiais. O cronograma deve especificar os seguintes itens:

  • Datas de início e término da parada;
  • Sequência das atividades;
  • Duração de cada atividade;
  • Recursos necessários para cada atividade.

Alocação dos recursos

Os recursos necessários para a realização da parada devem ser alocados de forma adequada, de forma a garantir que as atividades sejam realizadas dentro do cronograma e do orçamento. Os recursos podem incluir:

  • Mão de obra: técnicos, engenheiros, operadores;
  • Equipamentos: ferramentas, máquinas;
  • Materiais: peças, componentes.

Comunicação com os envolvidos

A comunicação com os envolvidos na parada é essencial para garantir que todos estejam cientes dos objetivos, do cronograma e dos recursos necessários. Os envolvidos podem incluir:

  • Funcionários da empresa;
  • Fornecedores de peças e serviços;
  • Clientes.

Preparação da área de trabalho

A área de trabalho deve ser preparada para a realização da parada. Isso inclui:

  • Isolamento da área de trabalho para evitar acidentes;
  • Desligamento dos equipamentos;
  • Bloqueio dos equipamentos para evitar acidentes elétricos;
  • Instalação de sinalização de segurança.

Realização das atividades de manutenção

As atividades de manutenção devem ser realizadas de forma segura e eficiente. As seguintes medidas devem ser tomadas para garantir a segurança:

  • As atividades devem ser realizadas de acordo com os procedimentos operacionais padrão;
  • Os equipamentos devem ser testados após a manutenção.

Retorno à operação normal

Após a conclusão das atividades de manutenção, a área de trabalho deve ser liberada para operação normal. Isso inclui:

  • Retirada da sinalização de segurança;
  • Religação dos equipamentos;
  • Remobilização da área de trabalho.

Além dessas etapas, é importante realizar uma avaliação da parada após a sua conclusão. A avaliação pode ajudar a identificar oportunidades de melhoria para as próximas paradas.

Aqui estão algumas dicas para planejar uma parada de manutenção de sucesso:

  1. Inicie o planejamento com antecedência, para garantir que haja tempo suficiente para preparar a parada e realizar as atividades necessárias;

  2. Envolva todas as partes interessadas no planejamento da parada, para garantir que os objetivos e o cronograma sejam acordados por todos;

  3. Crie um plano de contingência para lidar com imprevistos;

  4. Monitore o progresso da parada e faça ajustes conforme necessário.

Como executar uma parada de manutenção?

A execução de uma parada de manutenção deve seguir o planejamento realizado anteriormente. As principais etapas da execução de uma parada de manutenção são:

Preparação da área de trabalho

A área de trabalho deve estar preparada para a realização da parada, conforme especificado no planejamento. Isso inclui:

  • Isolamento da área de trabalho para evitar acidentes;
  • Desligamento dos equipamentos;
  • Bloqueio dos equipamentos para evitar acidentes elétricos;
  • Instalação de sinalização de segurança.

Realização das atividades de manutenção

As atividades de manutenção devem ser realizadas de forma segura e eficiente, conforme especificado no planejamento. As seguintes medidas devem ser tomadas para garantir a segurança:

  • Os trabalhadores devem usar os equipamentos de proteção individual adequados;
  • As atividades devem ser realizadas de acordo com os procedimentos operacionais padrão;
  • Os equipamentos devem ser testados após a manutenção.

Monitoramento do progresso da parada

O progresso da parada deve ser monitorado para garantir que os objetivos e o cronograma sejam cumpridos. Se houver atrasos ou imprevistos, é importante tomar medidas corretivas para minimizar o impacto.

Retorno à operação normal

Após a conclusão das atividades de manutenção, a área de trabalho deve ser liberada para operação normal. Isso inclui:

  • Retirada da sinalização de segurança;
  • Religação dos equipamentos;
  • Remobilização da área de trabalho.

Aqui estão algumas dicas para executar uma parada de manutenção e atividades específicas que podem ser realizadas durante uma parada de manutenção:

  1. Siga o planejamento cuidadosamente, para garantir que todas as atividades sejam realizadas conforme o previsto;

  2. Monitore o progresso da parada regularmente, para identificar e resolver quaisquer problemas potenciais;

  3. Mantenha a comunicação com todos os envolvidos na parada, para garantir que todos estejam cientes do progresso e de quaisquer mudanças no plano;

  4. Inspeção e limpeza de equipamentos: esta atividade é importante para identificar problemas potenciais antes que eles causem falhas;

  5. Substituição de peças desgastadas ou danificadas: esta atividade é importante para manter os equipamentos em boas condições de funcionamento;

  6. Reparo de danos: esta atividade é importante para corrigir problemas que podem causar acidentes;

  7. Instalação de novos equipamentos ou sistemas: esta atividade pode ser usada para melhorar a eficiência ou a produtividade da planta;

  8. Modificações ou melhorias nos equipamentos existentes: esta atividade pode ser usada para melhorar a confiabilidade ou a segurança dos equipamentos.

A escolha das atividades a serem realizadas durante uma parada de manutenção dependerá dos objetivos da parada e da condição dos equipamentos.

O papel do software de manutenção nas paradas de manutenção

Um software de manutenção pode contribuir significativamente no planejamento e na execução de paradas de manutenção, proporcionando uma série de benefícios, incluindo:

Aumento da eficiência 

Pode ajudar a automatizar tarefas, como a criação de ordens de serviço, a geração de relatórios e o monitoramento do progresso da parada. Isso pode liberar tempo para os profissionais de manutenção se concentrarem em atividades mais estratégicas.

Redução de erros 

Um software pode ajudar a evitar erros, como o registro incorreto de informações ou a programação de atividades incompatíveis. Isso pode ajudar a garantir que a parada seja realizada de forma segura e eficiente.

Melhoria da comunicação

O software ajuda a melhorar a comunicação entre os profissionais de manutenção, fornecedores e outras partes interessadas. Isso pode ajudar a garantir que todos estejam cientes dos objetivos, do cronograma e dos recursos necessários para a parada.

No planejamento da parada de manutenção

  • Gerenciamento de ativos: ajuda a gerenciar o histórico de todos os ativos da empresa, incluindo informações sobre a sua condição, os seus requisitos de manutenção e as atividades de manutenção já realizadas. Isso pode ajudar a identificar os ativos que precisam de manutenção durante a parada.
  • Planejamento de manutenção: planeja as atividades de manutenção a serem realizadas durante a parada, incluindo a definição dos objetivos, do cronograma, dos recursos necessários e da sequência das atividades.
  • Criação de ordens de serviço: cria ordens de serviço para as atividades de manutenção a serem realizadas durante a parada. As OS devem incluir informações sobre os ativos a serem mantidos, as atividades a serem realizadas, os recursos necessários e as datas de início e término.

Na execução da parada de manutenção

  • Gerenciamento de atividades: gerencia as atividades de manutenção durante a parada, incluindo o monitoramento do progresso, o registro de informações e a identificação de problemas.
  • Relatórios: gera relatórios sobre o progresso da parada, o que pode ajudar a identificar quaisquer problemas potenciais ou oportunidades de melhoria.

Ao escolher um software de manutenção para o planejamento e a execução de paradas de manutenção, é importante considerar as necessidades específicas da empresa. Alguns fatores a serem considerados incluem o tamanho da empresa, o número de ativos a serem mantidos e a complexidade das atividades de manutenção.

Calculadora de ROI - Fracttal One

A redução de custos começa com a Fracttal

Acesse a calculadora e veja o quanto você pode economizar nos custos de manutenção da sua empresa com o Fracttal One.

Calculadora de ROI - Fracttal One

A redução de custos começa com a Fracttal

Acesse a calculadora e veja o quanto você pode economizar nos custos de manutenção da sua empresa com o Fracttal One.

Perguntas frequentes

Confira as perguntas frequentes sobre paradas de manutenção

O que é uma parada de manutenção?

É um evento planejado no qual uma fábrica, planta ou equipamento é desligado para a realização de atividades de manutenção.

Quais são os objetivos das paradas de manutenção?

Realizar atividades de manutenção preventiva e corretiva, instalar novos equipamentos ou sistemas, modificar ou melhorar equipamentos existentes, reduzir custos, melhorar a segurança e aumentar a eficiência.

Quais são os tipos de paradas de manutenção?

Periódicos, preditivos e corretivos.

Como planejar uma parada de manutenção?

Definir os objetivos, elaborar o cronograma, alocar os recursos, comunicar-se com os envolvidos, preparar a área de trabalho, realizar as atividades e retornar à operação normal.

Como executar uma parada de manutenção?

Seguir o planejamento, preparar a área de trabalho, realizar as atividades, monitorar o progresso e retornar à operação normal.

Quais são os riscos associados às paradas de manutenção?

Acidentes de trabalho, danos aos equipamentos, perda de produção e atrasos na entrega de produtos ou serviços.

Como reduzir os riscos associados às paradas de manutenção?

Planejamento e execução cuidadosos.

Quais são os benefícios das paradas de manutenção?

Aumento da confiabilidade dos equipamentos, melhoria da segurança, aumento da eficiência, redução dos custos e melhoria da qualidade dos produtos ou serviços.

Qual é o custo de uma parada de manutenção?

Varia de acordo com o tamanho da fábrica, planta ou equipamento, a complexidade das atividades a serem realizadas e a disponibilidade de recursos.

Como avaliar o sucesso de uma parada de manutenção?

Se os objetivos da parada foram alcançados, se as atividades foram realizadas de forma segura e eficiente e se os riscos associados às paradas de manutenção foram mitigados.

Saiba mais sobre manutenção

Conheça tecnologias, processos de gestão e regulamentações

Como tornar seu sistema de gestão de OS mais eficaz?

Leia mais trending_flat

Software de OS: desvendando a eficiência na gestão de manutenção

Leia mais trending_flat

Alcançando a conformidade com a ISO 9001 na gestão da manutenção

Leia mais trending_flat

A Manutenção Inteligente
ao alcance de todos

Controle, eficiência e gestão para a sua equipe

machine